Um novo ideal para a OAB

Debate entre candidatos é marcado por ausência de atual presidente
6 de novembro de 2018

Chapa Renova OAB conta com mais de 350 membros dos mais diversos nichos da advocacia de MS

Ao tentar entrar no Tribunal de Justiça e ser barrada, a advogada Rachel Magrini Sanches perguntou a um dos servidores a razão do impedimento. “Preciso revistar sua bolsa”, respondeu. A revista só poderia ser feita por uma servidora mulher, e não havia nenhuma no recinto, o que impediu seu acesso. Sem saída e sem poder exercer seu ofício, Rachel questionou os servidores se ela não ia poder trabalhar se não deixasse a bolsa ser revistada. “Não, não pode”.

O episódio aconteceu no início do ano e mostra, de acordo com Rachel, como a advocacia perdeu espaço e respeito. “O advogado representa o cidadão, a sociedade, perante o Judiciário. Impedir sua atuação é limitar o cidadão de buscar seus direitos”.  Serviu para avaliar como as prerrogativas dos advogados estão sendo constantemente ameaçadas.

A defesa das prerrogativas e a renovação da OAB são os motes da chapa “Renova OAB”, onde Rachel é candidata à presidência da entidade e conta com 350 apoiadores concorrendo a diversos cargos, como a Caixa de Assistência dos Advogados, Escola Superior da Advocacia, Conselho Seccional e Conselho Federal.

O desrespeito se soma a milhares que ocorrem todos os anos e que não tem atenção da entidade que representa os advogados, a OAB. “Quando comecei a contar o fato ocorrido, ouvi vários relatos, todo advogado tem um caso de desrespeito às suas prerrogativas”.

“A OAB já defendeu a democracia, a liberdade, foi personagem central durante a redemocratização do nosso País e hoje não consegue defender o advogado, que fica a esmo na sua lida diária”.

Ainda no início do ano, Rachel deu início ao MOVIMENTO OAB QUE EU QUERO para ouvir a advocacia sul-mato-grossense e entender as demandas dos cerca de 14 mil advogados que atuam no Estado.

“É preciso uma mudança drástica na conduta da OAB. E isso não vai ocorrer de cima para baixo, de dentro dos escritórios fechados de um grupo que está há cinco anos na instituição e quer permanecer por mais um mandato. A mudança virá dos próprios advogados, que está todo dia no Fórum, na Justiça do Trabalho, nos Cartórios, demandando seus alvarás. Precisamos mudar o foco da entidade e voltar ao que a classe precisa e merece”.

Rachel é uma das poucas mulheres candidatas ao cargo de presidente da OAB até o momento (apenas no Maranhão e Rondonia há candidaturas femininas) e a primeira candidata desde 1992, quando a advogada Elenice Carille foi eleita presidente da OAB/MS.

“Desde o início da década de 1990 não há candidatas à presidente e poucas vezes ocuparam cargos de direção na OAB”. Rachel foi a última secretária-geral da da OAB, de 2010 a 2013 e diretora-presidente da Escola Superior da Advocacia (2013-2014). Também é presidente da Associação Brasileira de Mulheres de Carreira Jurídica.

“Em 2018 se celebra 30 anos da Constituição e a nossa classe está cada vez diminuída. Vamos mudar isso”, avalia.

A chapa Renova OAB também conta com algo inédito na história da seccional: um conselho seccional formado apenas por advogados com até cinco anos de carreira.

“Buscamos representar todos os segmentos da advocacia na chapa e a presença do advogado iniciante é essencial. É incompreensível que a advocacia, em seu primeiro dia como advogado, possa ir até aos Tribunais Superiores defender seus clientes e não possa compor um órgão colegiado de representação na OAB, como o conselho seccional ou algum cargo. Por isso, estamos inovando e criando o Conselho do Novo Advogado”, explica.

A chapa tem o nome de “Renova OAB” e registrada com o número 33. A diretoria é composta por Abadio Baird (vice-presidente), Wendell Lima Lopes Medeiros (secretário-geral), Mayara Costa Baís (secretária-adjunta) e Ademar Amâncio Machado (tesoureiro).

 

Os ex-presidentes da OAB/MS Leonardo Avelino Duarte e Elenice Carille também fazem parte da chapa, concorrendo aos cargos de conselheiros federais, junto com Marco Antônio Ferreira Castelo.

As eleições serão realizadas no dia 20 de novembro, na sede da OAB/MS e em todas as subseções do Estado.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *